Seu e-mail é inútil

RobsonB O e-mail é o telefone fixo do mundo dos computadores. O celular seria seu comunicador instantâneo, vide o Yahoo! ou Live Messenger (aka* MSN). Esse “telefone fixo” está perdendo a função de contato e se tornando uma espécie de lembrete eletrônico de coisas inacabadas ou que você pode fazer posteriormente. Esse é o ponto central do e-mail para muitas pessoas, a menos que você seja um estudante ou está na Internet apenas para se divertir sem compromisso. Porém, nem todos os seus contatos compartilham desse sentimento porque estão usando este recurso como uma ferramenta de trabalho.

Eu mesmo lido com o e-mail desta forma. E você, amigo leitor, não faz idéia do quanto se perde de tempo eliminando o entulho que pessoas que você conhece enviaram ao seu email de trabalho. Muitas dessas mensagens são digas de spam*, em que pede para repassar para todos da sua lista o caso da menininha sem nome doente, de empresas que doam dinheiro por mensagem enviada ou de produtos que você pode ganhar por enviar. Tudo fraude que gente inocente, ou burra, ou desinformada insiste em continuar enviando diariamente sem ganhar nada. E pior, sendo instrumento de bandido, pois muitas vezes esses “inocentes” e-mails reais são justamente para coletar os endereços para fins menos filantrópicos. O uso consciente de recursos é o slogan do século XXI, mas muitas pessoas ignoram que mesmo a Internet tem recursos finitos. Isso sem falar da privacidade quando espalham seu email para todos os lados por causa de correntes que voltam em forma de “atualização de banco” e afins para tentar lhe roubar senhas.

Vou mudar o conceito, imagine que um contato seu dá seu número de telefone para 200 pessoas que você não conhece e estas pessoas começam a te ligar com o número deste amigo e a mandar torpedos, o que você faria com este telefone? Você iria repassar todas as mensagens que recebesse para todos os seus amigos ligando e escrevendo pelo celular? Bom, é exatamente isso que uma pessoa que repassa correntes de email do tipo “ganhe NomeAqui grátis” e “Ajude essa pessoa doente” para todos os seus amigos faz. Um amigo recebeu, te passou e tu repassou, sendo que em 120% dos casos sequer viu se o conteúdo da mensagem é verdadeiro.

Se você realmente quer enviar uma mensagem deste tipo, apague os emails que estão no corpo da mensagem (onde fica o texto) e coloque os destinatários da sua mensagem no campo “Cópia Carbono Oculta” (CCO), para ao menos proteger o endereço de e-mail dos seus amigos de aparecer quando a próxima pessoa repassar. E tenha atenção dobrada com endereços “amigo@empresa.com.br”, pois podem estar sendo monitorados e causar problemas ao seu contato.

Algumas dicas valiosas que eu posso dar para que quem envia 50 e-mails alheios por dia não se passe por um idiota completo são:
• Sair do Orkut um pouco e ler algo que preste: www.antispam.br.
• Jogos se joga melhor no videogame… 3MB por jogo em Flash no Excel beira o ridículo.
• Vídeos são ótimos… no YouTube, 16MB de anexo não é legal.
• Para ver pornografia existem milhares de sites, se alguém quiser usa o Google, não o e-mail.
• Ninguém se manifesta via Internet por email, use um fórum para se expressar.
• Não importa se é política, corrupção, emissora de TV, fofoca escandalosa ou futebol. Sua opinião não precisar ser postada via e-mail, fale pessoalmente.
• E-mail religioso só é bom se a pessoa que recebeu for da sua religião.
• Abaixo assinados são inválidos sem RG ou CPF + endereço de e-mail e nome completo.
• Nada vai acontecer no seu Orkut/MSN/computador se mandar a mensagem para 50 amigos.

Glossário:
aka* =
also know as = também conhecido como.
spam*= propaganda indesejada, vinda sem que você tenha solicitado.